Aliados de Zé Aldemir, dois ex-prefeitos de São João do Rio do Peixe custam mais de R$ 50 mil por mês aos cofres de Cajazeiras

17 dez 2021

Servidores da saúde  do município de Cajazeiras, que estão com seus salários atrasados, apontam como principal motivo do atual desequilíbrio financeiro o fato da pasta ter sido inchada com a contratação de vários aliados políticos do prefeito José Aldemir e da deputada estadual Dra Paula Francinete. Um bom exemplo é o caso de dois ex-prefeitos do município vizinho de São João do Rio do Peixe, os médicos José Nilton Fernandes Dantas e Lavoisier Dantas, que juntos custam mensalmente aos cofres do município de Cajazeiras mais de R$ 50 mil por mês.

Conforme dados mais atualizados do Sagres, o ex-prefeito  Lavoisier Dantas recebeu no mês de Julho um salário de R$ 22 mil. Já o também médico e ex-prefeito José Nilton recebeu um salário de R$ 19,4 mil no mesmo mês como gastroenterologista contratado. Somados os dois ordenados e acrescido os 22% da contribuição patronal previdenciária, os dois aliados de José Aldemir custam aos cofres da saúde de Cajazeiras um valor superior a R$ 51 mil mensalmente.

A transformação da Prefeitura de Cajazeiras numa espécie de órgão regional para abrigar aliados e atender aos interesses do grupo político de José Aldemir tem deixado os servidores cajazeirenses bastante preocupados com a situação, que poderá se agravar em 2022 com a candidatura à reeleição da deputada estadual Dra Paula Francinete. O temor é de que o problema que já é grave possa se complicar ainda mais em ano eleitoral.

Blog do Geraldo Andrade